Justiça / Transparência · 9 de julho de 2021

PROCURADA – Sádia Castro – Secretária do Meio Ambiente

Há um mês foi reaberto o Zoobotânico após a realização de uma falsa reforma. A reforma foi anunciada, paga e não foi feita.

A responsável é a Secretária do Meio Ambiente, Sádia Castro, que gastou quase R$ 1 milhão (são cerca de R$ 600 mil da reforma e R$ 300 mil da limpeza) em obras que não aconteceram.

O problema ainda mais grave é o desaparecimento de Sádia: ela não responde ligações, bloqueia nas redes sociais quem questiona e não dá satisfações sobre o dinheiro ou sobre a obra.

Vamos achar Sádia e entregá-la às autoridades! É um absurdo que uma Secretária de Estado se recuse a dar explicações para a sociedade sobre o sumiço de tanto dinheiro.

O Zoobotânico está abandonado, dinheiro público sumiu e Sádia Castro é a responsável.

Ajude-nos a encontrá-la!