Governo do Estado · 17 de abril de 2022

O retrato do Governo Wellington Dias após 20 anos

Em 2002, há exatamente 20 anos, Wellington Dias era eleito, pela primeira vez, governador do Piauí. O que aconteceu de lá para cá?

Construtoras amigas como a Jurema e a Soma, de aliados políticos, ganharam milhões em contratos com o Governo – e praticamente nenhuma obra estruturante foi feita.

O contingente da Polícia Militar se manteve exatamente o mesmo, a criminalidade aumentou e agora temos o grave problema das facções criminosas.

Na Educação, não houve melhoras significativas. O Piauí se manteve como um dos estados mais analfabetos do Brasil e roubos históricos de dinheiro para a área envolveram a esposa do ex-governador, Rejane Dias.

Na Cultura, o queridinho de Wellington Dias, Fábio Novo, privilegiou jornalistas e jorrou dinheiro para bajuladores, estrangulando o setor e acabando com nossos artistas.

Pastas importantes como saúde, turismo e segurança pública foram dadas a políticos incompetentes e envolvidos com corrupção.

Esse é o retrato do Governo do PT que agora quer mais 4 anos para continuar com sua péssima administração que levou o Piauí do nada a lugar nenu.Em 2002, há exatamente 20 anos, Wellington Dias era eleito, pela primeira vez, governador do Piauí. O que aconteceu de lá para cá?

Construtoras amigas como a Jurema e a Soma, de aliados políticos, ganharam milhões em contratos com o Governo – e praticamente nenhuma obra estruturante foi feita.

O contingente da Polícia Militar se manteve exatamente o mesmo, a criminalidade aumentou e agora temos o grave problema das facções criminosas.

Na Educação, não houve melhoras significativas. O Piauí se manteve como um dos estados mais analfabetos do Brasil e roubos históricos de dinheiro para a área envolveram a esposa do ex-governador, Rejane Dias.

Na Cultura, o queridinho de Wellington Dias, Fábio Novo, privilegiou jornalistas e jorrou dinheiro para bajuladores, estrangulando o setor e acabando com nossos artistas.

Pastas importantes como saúde, segurança e turismo foram dadas a políticos envolvidos com corrupção que não fizeram nada.

Esse é o retrato de 20 anos que levaram o Piauí do nada a lugar nenhum – e o PT agora quer mais. Muito mais.