Assembleia Legislativa · 30 de abril de 2021

Ministério Público abre investigação sobre CPF’s premiados da Assembleia Legislativa

O promotor de Justiça da 42ª Promotoria de Justiça de Teresina, Chico Jesus, abriu um procedimento preliminar para investigar possíveis irregularidades na folha de pagamento de Assembleia Legislativa do Piauí.

De acordo com o documento, está sendo aberto o preparatório de auditoria fiscal orçamentária e de pessoal na Assembleia Legislativa do Estado do Piauí nos últimos cinco anos./

Segundo a portaria, a investigação será aberta após denúncias das páginas O Piauiense e Custo Piauí e das representações realizadas no Ministério Público do Piauí pelo jornalista Petrus Evelyn.

O Escândalo dos CPFs Premiados é um dos casos mais sérios da história do Piauí – denunciamos diversas situações graves como pessoas mortas, ex-esposas e parentes de políticos recebendo, irregularmente, dinheiro público através da Assembleia Legislativa.