Justiça · 25 de abril de 2022

Justiça do Piauí “trava” processos de calúnias contra O Piauiense

No processo 0802386-40.2021.8.18.0136 que entrei contra Itamir Trindade Júnior, o filho do Tony Trindade, solicitei que ele provasse as calúnias que falou que sou caloteiro, que bato na minha esposa, entre várias outras coisas.

O processo está parado desde novembro (foi aberto em ABRIL de 2021, há mais de um ano), sem nenhuma movimentação.

No site de Itamir, até hoje há calúnias contra mim que seguem se arrastando por mais de ano, enquanto a Justiça está preocupada em acelerar outros processos com finalidades mesquinhas.

A interpelação judicial dos cinco juízes contra mim, uma ação com objetivo de intimidar e censurar meu trabalho, já teve várias movimentações de juiz e de promotor.

Assim como o meu caso, milhares de outros processos judiciais, de pessoas comuns, são deixados para trás para avançar os processos dos “famosos” como políticos, autoridades e poderosos (exceto quando é contra eles, aí a ação é lenta até prescrever).

Essa é a Justiça Piauiense.