Assembleia Legislativa · 24 de abril de 2022

Esposa de Silas Freire tinha cargo na ALEPI até fevereiro

O Piauiense já demonstrou as relações constrangedoras entre jornalistas da TV Meio Norte e a Assembleia Legislativa. Um dos casos é Silas Freire.

Sua esposa, Karytha Ferreira Leal, foi comissionada até o mês de fevereiro, atuando como assessora parlamentar.

Certa vez durante uma entrevista, Silas afirmou que quem fazia denúncias sobre comissionados da ALEPI é porque tem inveja de quem tem um carguinho pago com dinheiro público.

Como o jornalista se mantém honesto em suas análises políticas se a esposa é funcionária de um político? Impossível.

Perceba que sua esposa faz parte daquela seleta lista de pessoas que recebia “periculosidade/insalubridade” mesmo que não seja adequado para o cargo na Assembleia.

Pode nos explicar isso, Silas?