A falsa oposição do PP já negocia cargos com o PT na Assembleia Legislativa

Quando o partido Progressistas anunciou que iria romper com o Governo do Estado, eu fui o único jornalista a avisar que eles seriam uma oposição de mentirinha. E assim foi.

Políticos do PP como Wilson Brandão, Margarete Coelho e Hélio Isaias continuaram com carguinhos no Governo mesmo após o falso rompimento. Os deputados do partido só faziam críticas superficiais e nunca denúncias graves.

A eleição acabou e agora Júlio Arcoverde anuncia que, possivelmente, a oposição fechará um acordo com o PT para as eleições da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa.

A fala de Júlio significa que o PP está negociando com o PT sobre quanto custa esse apoio.

Um sonho antigo do PT é conseguir a presidência da Assembleia Legislativa, uma forma de diminuir o poder do MDB – e Rafael Fonteles está oferecendo muito para que todos os deputados estejam unidos para a realização desse sonho.

Você votou na oposição e terá um bando de deputados mentirosos, fingindo ser oposição, e apoiando um presidente da Assembleia Legislativa do PT.

Petrus Evelyn

É graduado em Jornalismo e graduando em Psicologia. Criador da página O Piauiense e da Academia do Comportamento. Foi candidato a deputado estadual pelo Partido Novo com mais de 17 mil votos no Piauí.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *