Carta de Princípios O Piauiense

O Piauiense lança hoje a sua Carta de Princípios dos Candidatos de Teresina. São propostas importantes que abrimos para os candidatos assinarem. Isso significa que, caso eleitos, eles estão compromissados, junto com a página O Piauiense e com a população de Teresina, a trabalharem no início de seus mandatos para atingir esses objetivos.

Como prezamos pela liberdade e acreditamos que um país se faz com menos burocracia, o candidato para assinar precisa apenas completar nosso formulário online abaixo e gravar um vídeo se comprometendo com nossas demandas. Não há necessidade de registrar em cartório – haja vista que somos contra a existência de cartórios, que geram apenas burocracias desnecessárias para o funcionamento de uma cidade.

Após assinar a nossa Carta de Princípios, entraremos em contato para a divulgação do seu vídeo (no máximo com 1 minuto de duração) se comprometendo com nossas demandas:

Abaixo, os Princípios do Piauiense para uma Teresina melhor:

Gerar economia financeira real para a cidade

Precisamos de políticos que trabalhem para diminuir os gastos da cidade. Quanto mais dinheiro fica nos cofres públicos, menos dinheiro tem a população. Defendemos que o dinheiro das pessoas fiquem com as pessoas.

Atuar diretamente para revogar todas as leis inúteis da cidade (e não propor nada de irrelevante):

A Câmara de Vereadores é permeada de leis inúteis e irrelevantes. Precisamos acabar com todas elas e estimular um parlamento municipal focado em propor leis realmente relevantes para o bom funcionamento da cidade.

Criar seu próprio portal da transparência e mantê-lo sempre atualizado

O prefeito e os vereadores têm a obrigação de prestarem contas com a população. Por isso, todos os candidatos que assinarem o nosso termo devem, obrigatoriamente, criarem seus próprios portais da transparência, mantendo sempre atualizado com todos os gastos (precisamos saber onde nosso dinheiro está sendo gasto).

Lutar pelo fim de todos os monopólios da cidade (p.e.: das empresas de ônibus)

Não há nada mais danoso para o livre mercado do que monopólios. Precisamos de políticos que lutem contra os antigos e poderosos monopólios da cidade sendo, o principal deles, o das empresas de ônibus da cidade.

Defesa da lei e da ordem pública

Não podemos viver em uma cidade que os vereadores ou o prefeito se recusem a resolver certos problemas. Saúde, segurança, educação são problemas que, obrigatoriamente, todos os políticos eleitos devem trabalhar para resolvê-los. Os nossos políticos precisam aprender a olhar para todos os problemas da cidade e oferecer soluções.

Para assinar, basta preencher o formulário abaixo: