Por que a sociedade aceita meios de comunicação recebendo dinheiro público?

O Governo do Estado do Piauí e a Prefeitura de Teresina – além de diversas outras prefeituras do interior – pagam milhões de reais por ano para meios de comunicação. O objetivo? Evitar as denúncias e enaltecer os políticos no poder.

Esse tipo de gasto não é investimento. Não é um retorno dos serviços para a população. De fato, não é nada além do uso do dinheiro das famílias piauienses para o proveito dos próprios políticos.

Quando um cidadão paga 31% de impostos ao abastecer o seu carro em um posto de gasolina, esse dinheiro não será revertido em benefícios para ele – esse dinheiro será usado para reeleger os mesmos corruptos que estão cobrando os 31% – e é exatamente por isso que esse valor jamais irá diminuir com uma Assembleia Legislativa tão subserviente.

Por que será que nenhum jornalista dos grandes meios falou sobre as condenações de Themístocles Filho, os crimes de perseguição a cidadãos de Fábio Abreu e que alguns tiveram até mesmo a total falta de vergonha e chegaram a defender a Segurança Pública do Piauí? Porque eles recebem para isso.

Você está pagando, com o dinheiro que deveria estar com sua família, para ser enganado por políticos e jornalistas inescrupulosos. Estamos sustentando uma grande máquina de corrupção que se alimenta dos seus impostos.

Aceitar que dinheiro público continue patrocinando jornalistas é aceitar que a corrupção nunca irá acabar no Piauí.